Hospital ViValle é o primeiro certificado pelo Programa Closer to Zero

Projeto desenvolvido pela Smith+Nephew busca reduzir incidência de casos de lesões por pressão por meio da qualificação dos profissionais de enfermagem 

O Hospital ViValle, de São José dos Campos (SP), integrante da Rede D’Or, é o primeiro no Brasil a receber a certificação do Programa Closer to Zero em práticas clínicas na prevenção de casos de lesões por pressão. 

Closer to Zero 

Closer to Zero foi desenvolvido pela Smith+Nephew, empresa britânica líder em tecnologia médica para restauração corporal com a linha para tratamento de feridas ALLEVYN®, com o objetivo de conscientizar pacientes e profissionais de saúde sobre a prevenção de lesão por pressão (LP) — segmento em que a companhia alcançou a liderança no País — que se caracteriza por feridas ocasionadas por longos períodos de internação. 

A certificação consiste em uma capacitação das equipes de enfermagem e visa fortalecer a cultura de segurança do paciente, contribuindo para o seu bem-estar e redução da incidência das lesões por pressão, com o fortalecimento de processos e sistemas que visem ações preventivas. 

Vanderlei Pupin, gerente de Enfermagem do ViValle, destaca que o hospital busca ser referência em gestão hospitalar e na prestação de serviços médicos com base nos mais elevados padrões técnicos. 

Ele ressalta que o Programa Closer to Zero está alinhado à missão, visão e valores do ViValle, de prestar um atendimento médico-hospitalar com eficácia, equipes qualificadas, motivadas e respeitando a ética e o indivíduo no todo. 

Pupin salienta que depois da certificação, foi observada em toda equipe assistencial de enfermagem e multidisciplinar uma mudança na cultura e a adesão às boas práticas do programa. “Os profissionais de enfermagem, fisioterapeutas, nutricionistas, desenvolveram um olhar diferenciado principalmente quando falamos em pacientes que pertencem à população de risco que necessitam de um cuidado diferenciado e especializado”, declara. 

Ele também ressalta o processo de aculturamento dos profissionais recém-admitidos com a inclusão das informações sobre o Closer to Zero e são evidenciadas as boas práticas que preconizam o manual de certificação. 

Segundo o gerente de Enfermagem, desde janeiro de 2021 o Hospital ViValle atingiu um índice de redução de casos de lesão por pressão acima de 99%, primeiramente com a implementação dos scores de risco, que consiste na identificação da população de risco, aplicação dos skin care bundles, da linha para tratamento de feridas ALLEVYN® e realização de auditorias clínicas. 

Em outubro, o hospital finalmente conseguiu reduzir a zero a incidência de casos de lesão por pressão. 

Pupin ainda salienta que o Closer to Zero propiciou um empoderamento da Comissão de Cuidados com a Pele (CCP), engajamento da equipe multiprofissional para o fortalecimento de ações de melhoria, implementação de processos sólidos por uma liderança envolvida e influente que criou um ambiente motivador para essa conquista. 

Capacitação das equipes 

Segundo Bruno Campello Simões, diretor de Negócios da Smith+Nephew para o Brasil, Chile e Cone Sul, o programa estabelece padrões de excelência com medidas preventivas às lesões por pressão. “O foco principal do Closer to Zero é a educação, na qual é proporcionado o conhecimento técnico e capacitação dos profissionais das instituições de saúde”, esclarece. 

De acordo com o executivo, ao adotar o Closer to Zero, a Rede D’Or — que agora está partindo para a certificação de outros dois hospitais, Copa D’Or no Rio de Janeiro e Vila Nova Star em São Paulo — está abraçando o conceito de prevenção de lesão por pressão, vendo a Smith+Nephew como um parceiro estratégico para disseminar a prática, melhorar o atendimento ao paciente na ponta e tornar o processo todo mais efetivo”, finaliza. 

Smith+Nephew 

Fundada em 1856 pelo farmacêutico Thomas James Smith, seu sobrinho Horatio Nelson Smith assumiu a gestão do negócio, após a morte do fundador em 1896. Daí o nome Smith+Nephew ou Smith & Sobrinho. 

No final da década de 1990, a Smith+Nephew se expandiu para tornar-se um conglomerado de saúde diversificado com operações em todo o mundo, incluindo vários dispositivos médicos, como implantes de quadril e joelho usados ​​para substituir articulações doentes, danificadas ou desgastadas; produtos e instrumentos avançados usados ​​para reparar ou remover tecidos moles no segmento de medicina esportiva, ortopedia e traumatologia; e produtos de cuidados pessoais e tratamentos tradicionais e pioneiros de cuidados com feridas, além de ajudar os profissionais de saúde a chegar PRÓXIMO DE ZERO de consequências humanas e econômicas de lesões por pressão. 

Em 2001, a Smith+Nephew tornou-se membro constituinte do índice FTSE-100 no Reino Unido. Isso significa que a companhia está incluída nas 100 maiores empresas negociadas na Bolsa de Valores de Londres medidas em termos de capitalização de mercado. 

Hospital ViValle

Hospital viValle-Foto:Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *